Geral 24/06/2020 - 17:52 - Gabriela Santos- Governo do Tocantins

Cadeia de Formoso do Araguaia recebe doação do IFTO de álcool gel para prevenção a Covid-19

O material doado será utilizado para higienização dos servidores e população carcerária da Cadeia de Formoso do Araguaia O material doado será utilizado para higienização dos servidores e população carcerária da Cadeia de Formoso do Araguaia - Seciju/ Governo do Tocantins

Com o intuito de manter os protocolos de higiene recomendados para a prevenção de contágio do Covid- 19, a Cadeia Pública de Formoso do Araguaia, administrada pela Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), recebeu na tarde desta quarta-feira, 24, a doação de 15 litros de álcool em gel etílico glicerinado 76% pelo Instituto Federal do Tocantins (IFTO), campus Formoso de Araguaia.

Segundo o diretor da unidade prisional, Miller Paulo de Azevedo, o álcool em gel recebido terá várias finalidades para higienização da Cadeia. “Além da desinfecção diária que fazemos com álcool em superfícies como maçanetas e mesas que podem conter o vírus, ele será utilizado para fabricação de sabão artesanal, usado na limpeza do ambiente carcerário,” explicou.

Miller explica como surgiu a parceria entre a Cadeia e o IFTO. “Entrei em contato com o Campus daqui, para saber se haveria a possibilidade de doação para a Cadeia Pública de Formoso, depois de um alinhamento, foi efetuada a entrega do material,” disse o Diretor da unidade.

Iniciativa de combate ao vírus

O material doado para a unidade prisional faz parte de uma iniciativa do IFTO que tem o intuito de auxiliar no controle da transmissão do novo coronavírus. Para isso, um grupo de servidores e alunos produziram 20 mil litros de gel de álcool etílico glicerinado 76%, usando a infraestrutura e insumos do Instituto Secretaria Educação Profissional e Tecnológica (Setec), e está distribuindo em todo estado.

Para o diretor Campus de Formoso de Araguaia do IFTO, Manoel Delintro de Castro, a iniciativa do instituto tem a finalidade de combater a transmissão da Covid-19. “Mediante esse avanço da pandemia, qualquer ação social que venha mitigar a transmissão é necessária. Como instituição estamos cumprindo nosso papel social, principalmente ao atender ambientes de possíveis contaminações,” explicou. 

(Edição: Shara Rezende/ Governo do Tocantins)

Compartilhe esta notícia