Geral 17/03/2020 - 15:00 - Vitória Soares – Governo do Tocantins

Mês da Mulher: Centro de Referência e Atendimento à Mulher de Arraias leva palestras sobre enfrentamento à violência para diferentes municípios

Ações fazem parte da programação especial do mês da mulher. Ações fazem parte da programação especial do mês da mulher. - Seciju/Governo do Tocantins
Palestras abordam temas sobre enfrentamento à violência contra mulher. Palestras abordam temas sobre enfrentamento à violência contra mulher. - Seciju/Governo do Tocantins
Cram de Arraias realiza palestras sobre enfrentamento à violência contra mulher Cram de Arraias realiza palestras sobre enfrentamento à violência contra mulher - Seciju/Governo do Tocantins
Mulheres são orientadas sobre os tipos de violência doméstica e como encontrar ajuda Mulheres são orientadas sobre os tipos de violência doméstica e como encontrar ajuda - Seciju/Governo do Tocantins

O conhecimento é uma importante ferramenta na luta pela garantia de direitos e combate a violência. Pensando nisso, o Centro de Referência e Atendimento à Mulher (Cram) de Arraias, ligado à Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), vem realizando atividades alusivas ao Mês da Mulher. Iniciadas no dia 6 deste mês, as ações incluem palestras e mesas redondas no munícipio e em locais próximos.

Entre as cidades atendidas estão Arraias (TO), Paranã (TO) e Campos Belos (GO), onde foram abordadas temáticas ligadas ao enfretamento da violência contra mulher. Além disso, temas como a evolução social da mulher brasileira e a inserção da mulher no mercado de trabalho também foram pauta ao longo das atividades.

A coordenadora do Cram de Arraias, Cleópatra Pereira, ressalta que o principal objetivo da programação é levar informação para o máximo de mulheres possível, a fim de contribuir para a garantia de direitos. “Vamos realizar ações durante todo para instruir as mulheres em situação de violência com orientações sobre como realizar denúncias do agressor”, enfatizou.

Programação

As atividades são realizadas em escolas, Centros de Referência de Assistência Social, além da Universidade Federal do Tocantins, campus Arraiais. A ideia é que outras ações ainda sejam feitas no Cras de Paranã e em Canabrava, distrito de Arraias, entretanto, as mesmas ainda não possuem data marcada, devido às medidas de precaução sobre a Covid-19.

“Seguindo orientação do Governo, em relação à prevenção da contaminação e proliferação do Coronavírus, mudamos toda a nossa programação e adiamos os minicursos previstos. Pretendemos retomar assim que possível”, informou a coordenadora do Cram.

Cram

O Centro de Referência e Atendimento à Mulher (Cram) de Arraias, vinculado a Gerência da Mulher, da Diretoria de Direitos Humanos da Seciju, realiza atendimentos às mulheres vítimas de violência, por meio de visitas técnicas, escutas especializadas com mulheres que se enquadram no grupo vulnerável e encaminhamento das vítimas para os órgãos competentes. Para o melhor acompanhamento dessas mulheres, o Centro conta com apoio da rede de proteção à mulher, que inclui o Ministério Público, a Defensoria Pública, o Cras, entre outros.

Compartilhe esta notícia