Geral 13/10/2020 - 17:22 - Marcos Miranda – Governo do Tocantins

Dia da Criança: agentes de execução penal levaram atividades lúdicas, brinquedos e lanches às crianças de comunidades do interior do Tocantins

No Brasil, a comemoração do Dia das crianças acontece dia 12 de outubro No Brasil, a comemoração do Dia das crianças acontece dia 12 de outubro - Seciju Divulgação / Governo do Tocantins
Agentes de execução penal dos três municípios promoveram atividades lúdicas e educativas nas comunidades Agentes de execução penal dos três municípios promoveram atividades lúdicas e educativas nas comunidades - Seciju/Governo do Tocantins
O objetivo foi a valorização da criança, estímulo a auto estima infantil, oportunizar momentos agradáveis de diversão e alegria O objetivo foi a valorização da criança, estímulo a auto estima infantil, oportunizar momentos agradáveis de diversão e alegria - Seciju Diulgação / Governo do Tocantins

O Dia das Crianças foi comemorado de forma especial nos bairros das cidades de Palmeirópolis, Paranã e Natividade. Com ações programadas pela Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), por meio da Superintendência de Administração dos Sistemas Penitenciários e Prisionais; da Gerência de Reintegração Social, Trabalho e Renda ao Preso e Egresso; e dos gestores das unidades penais, no qual os agentes de execução penal dos três municípios promoveram atividades lúdicas e educativas nas comunidades a fim de celebrar a data e também promover os direitos das crianças.

As ações aconteceram seguindo todos os protocolos de segurança de saúde para contenção do Coronavírus, sendo realizadas em locais públicos abertos. Os agentes de execução penal foram aos bairros e entregaram brinquedos e lanche às crianças. Segundo a Agente Analista de Execução Penal e responsável técnica pela assistência educacional da Seciju, Renata Keli Duarte, “este ano tivemos que multiplicar todos os cuidados para que pudéssemos fazer algo para as crianças das comunidades sem apresentar nenhum tipo de perigo de contaminação por Covid-19”, disse.

Os itens distribuídos às crianças foram arrecadados por meio de doações realizadas pelos servidores das unidades penais, da comunidade, Poder Judiciário e de empresas parceiras. O chefe da Cadeia Pública (CP) de Palmeirópolis disse que foi muito satisfatório ver sua equipe participando das atividades. “Presenciar que o servidor foi recebido de braços abertos pela comunidade e notar que podemos ser um agente de transformação social, não tem preço”, falou.

Compartilhe esta notícia