Geral 03/10/2019 - 09:23 - Erlene Miranda/Governo do Tocantins

Seciju convoca inscritos no 1º Curso de Formação do Grupo de Intervenção Rápida para cadastramento

As aulas teóricas e práticas terão início na próxima segunda-feira, 07, e seguem até o dia 25 de outubro. As aulas teóricas e práticas terão início na próxima segunda-feira, 07, e seguem até o dia 25 de outubro. - Divulgação/Seciju

A Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju) divulgou no Diário Oficial do Estado do Tocantins (DOE-TO) desta quarta-feira, 02, o edital de convocação para os 41 matriculados no primeiro curso de formação do Grupo de Intervenção Rápida (GIR). Os inscritos deverão comparecer no Núcleo de Custódio da Casa de Prisão Provisória (CPP) de Palmas, no próximo domingo, 6, às 8h, para realizar o credeciamento.

A orientação é que os inscritos estejam no local do credenciamento com 30 minutos de antecedência do horário estabelecido, usando o uniforme padrão do seu sistema ou instituição de origem, munidos de todos os documentos pessoais e dos itens de uso obrigatório constantes nos anexos V e VI do edital.

O curso

O curso de formação do GIR tem como objetivo capacitar servidores para atuarem na solução de conflitos no interior dos estabelecimentos prisionais, aplicando os procedimentos e as técnicas adequadas, dentro da legalidade e do uso seletivo da força.

O superintendente de Administração dos Sistemas Penitenciário e Prisional da Seciju, Orleanes de Sousa Alves, destacou a importância da formação do primeiro Grupo de Intervenção Rápida (GIR). “Com a formação do GIR, vamos ter um grupo especial para tratar de vários aspectos, desde a manutenção da segurança dentro das unidades, a replicação de treinamento operacional aos agentes de execução penal até atender as demandas de média e alta complexidade. O Grupo de Intervenção Rápida (GIR) vai colocar o Tocantins no cenário nacional sobre a atuação na solução de conflitos internos das unidades penais”, ressaltou.

Aulas

As aulas teóricas e práticas terão início na próxima segunda-feira, 07, e seguem até o dia 25 de outubro. As aulas poderão ser ministradas na Esgepen, no Núcleo de Custódia e Casa de Prisão Provisória de Palmas (CPP Palmas), no Stand de Tiros ou em outros locais a critério da escola. A cerimônia de formatura do curso ocorrerá no dia 25 de outubro em horário e local a definir.    

Um dos professores do curso de formação, o diretor da Diretoria Penitenciária de Operações Especiais (DPOE) da Subsecretaria do Sistema Penitenciário de Brasília, Antônio Arino, contou que os alunos terão acesso a vários conteúdos relacionados as atividades diárias desenvolvidas pelos servidores do Sistema Penitenciário. “O curso tratará sobre métodos que são executados para cobrar do interno (reeducando) o cumprimento dos procedimentos, a disciplina e o respeito ao Agente do Estado, cuidando da integridade física daquele que está cumprindo pena de privação de liberdade”, enfatizou.

Participantes

Além das vagas destinadas aos servidores do Sistema Penitenciário, também foram disponibilizadas vagas para servidores do sistema socioeducativo do Estado e servidores de outros sistemas de segurança, entre eles: polícia civil, corpo de bombeiros, guarda metropolitana e agentes penitenciários ou operadores de segurança penitenciária das demais Unidades Federativas do Brasil.

Clique e baixe o edital com mais informações.

Compartilhe esta notícia