Geral 07/08/2017 - 10:46 - Ascom Cidadania e Jusitça/Governo do Tocantins

Encerramento da Semana da Diversidade Sexual reúne mais de cinco mil pessoas

O show da Banda Babado Novo encerrou a Semana com chave de ouro e reuniu mais de seis mil pessoas. O show da Banda Babado Novo encerrou a Semana com chave de ouro e reuniu mais de seis mil pessoas. - Divulgação
Concurso Miss LGBT, promovido na Semana da Diversidade Sexual, teve um representante para cada categoria. Concurso Miss LGBT, promovido na Semana da Diversidade Sexual, teve um representante para cada categoria. - Divulgação

Com organização da Associação da Diversidade Sexual do Tocantins e o apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria da Cidadania e Justiça, a Semana da Diversidade Sexual do Tocantins foi encerrada com atendimentos e orientações jurídicas e atrações artísticas que reuniram aproximadamente seis mil pessoas na Praia da Graciosa, em Palmas, neste domingo, 06, para a 14° Parada Gay do Estado.

Com concentração às 16h, a população LGBT, bem como demais interessados, puderam tirar suas dúvidas relacionadas ao casamento gay, novas composições familiares e direitos LGBT com servidores da Defensoria Pública do Estado e OAB-TO que fizeram atendimentos abertos no evento.

Além disso, a logística da Parada Gay mudou neste ano, sendo fixa na Praia, para garantir acessibilidade as pessoas com deficiência. Após a concentração, o palco foi espaço de apresentar as reivindicações da comunidade LGBT para a população e maneiras de combater a LGBTfobia no Estado, com ações integradas dos órgãos públicos e participação ativa da sociedade civil. Várias apresentações da noite, a maioria de pessoas LGBT, também tiveram um viés político e trouxeram uma reflexão acerca do preconceito ainda existente no Tocantins e da necessidade de visibilidade.

Com o apoio da Prefeitura Municipal de Palmas, a Banda Babado Novo, de carreira nacional, foi responsável por fechar o evento e animar a população. Eles se apresentaram por quase duas horas e divertiram as pessoas presentes, além de também mostrar a importância da visibilidade LGBT.

“Me sinto lisonjeado por ter tido essa oportunidade de representar e ajudar a promover um evento que mostre a importância da visibilidade para a população LGBT do Estado. Foi difícil mas com a parceria que tivemos, tanto dos órgãos públicos como Governo do estado, IFTO, Defensoria, OAB e Prefeitura de Palmas como da sociedade civil, mostramos que somos capazes de vencer qualquer barreira através do diálogo e mostrar que o amor, sem distinção de gênero, é essencial para formarmos um mundo melhor e mais tolerante”, disse Fagner Vassarelly, vice-presidente da Associação da Diversidade do Tocantins e membro da Comissão Organizadora da Semana.

Miss LGBT

No sábado, 05, ocorreu o Miss LGBT, no bar Serreal, localizado na região norte de Palmas. Foram votados nomes para representarem todas as composições da comunidade LGBT e darem visibilidade ao seguimento, sendo uma lésbica, um gay, um homem e uma mulher bissexual, bem como um homem e uma mulher trans.

Priscila Parrião de Miranda é a nova Miss Bissexual do Estado e explicou a importância da visibilidade LGBT no Estado e de eventos como esse que fomentam isso. “É bom poder mostrar que ser bissexual não é uma questão de indecisão, mas de amar todas as pessoas, sem distinção e de qualquer maneira. O tema da semana “Somos Todos Família” também vem para mostrar que também pensamos nisso e que podemos constituir família com casais homossexuais ou não. Além disso, a visibilidade é importante, por isso é necessário que eventos assim possam ser mais divulgados e de maneira mais intensa”, completou.

Com quatro categorias, sendo levados em consideração os quesitos performance e simpatia, também foram escolhidos como Miss Gay o Matheus Linnyker, Milene Wermuth como Miss Lésbica, Dudu Moreno como Miss Bissexual e Valeska Berlusconi agora representa a beleza e visibilidade das Drags do Tocantins como Miss Transsexual.

Semana

O objetivo da Semana da Diversidade Sexual é priorizar as temáticas de sexualidade e de gênero e proporcionar espaços de discussão e conhecimentos sobre as especificidades da população LGBT. A abertura oficial contou com palestra sobre “Direto, Diversidade e as Novas Composições Familiares”, ministrada pela especialista em Constitucional e vice-presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/TO), Nayara Ayres, a qual também é membro da Comissão de Direitos Humanos. Durante toda a programação, também houve Simpósio na Ulbra, participação em um evento de Enfermagem da Universidade Federal do Tocantins e o Concurso Miss LGBT. 

A Comissão Organizadora da Semana de Diversidade Sexual foi composta por representantes da Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), Associação das Travestis e Transexuais do Tocantins (Atrato), Prefeitura Municipal de Palmas, Instituto Equidade do Tocantins, além da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/TO), Movimento Universitário da Diversidade Afetivo Sexual da Universidade Federal do Tocantins e Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO). 

Compartilhe esta notícia