Notícias

Cidadania e Justiça capacita Conselhos Estaduais e servidores

08/06/2017 - Ascom Cidadania e Justiça/Governo do Tocantins

Durante toda essa terça-feira, 06, e quarta-feira, 07, presidentes de conselhos estaduais, conselheiros, secretários (as) executivos e servidores da Secretaria de Cidadania e Justiça (Seciju) participaram de uma capacitação promovida pela Secretaria do Trabalho e Assistência Social (Setas). O encontro foi realizado por meio de um pedido da Seciju, que está reestruturando a Casa dos Conselhos Estaduais e das Secretarias Executivas dos conselhos ligados à pasta e aconteceu no auditório dos conselhos da Setas em Palmas.

O objetivo da capacitação foi orientar, apresentar as atribuições e responsabilidades dos Conselhos Estaduais e as funções dos respectivos secretários (as) executivos. “Durante esses dois dias, debatemos assuntos referentes aos conselhos, suas atividades, as atribuições e o papel de trabalho da secretaria executiva. Eu costumo dizer que o secretário (a) é a alma do conselho para seu devido funcionamento”, explicou a palestrante, assistente social da Setas e conselheira estadual de Assistência Social (Ceas), Régina Mêrces.

Para o gerente de Mobilização e Participação da Seciju, Francisco Maior Neto, a iniciativa está aprovada. “A Casa dos Conselhos é um espaço novo, que está sendo composta por uma equipe nova, e a capacitação vai facilitar muito o trabalho desses membros de mobilização e participação social da pasta”, finalizou. 

Segundo a diretora de Direitos Humanos da Seciju, Suami Freitas Mattos, a capacitação visa alinhar as informações e capacitar os servidores da gerência de Mobilização e Participação Social que lidam com todos os conselhos e os secretários (as) executivos. “Estamos reestruturando a Casa dos Conselhos Estaduais e das secretarias executivas. É preciso capacitá-los para que seja feito um bom trabalho”, esclareceu. 

Já para a secretária executiva do Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea), Cláudia Arraias, que há um mês está exercendo a função, a secretaria executiva do conselho tem a incumbência de dar suporte administrativo e operacional. “Suporte que promova a viabilidade das atividades. E são em capacitações como essas que podemos tirar nossas dúvidas das atividades que nos são designadas”, argumentou. (Com informações da Ascom Setas)

Compartilhe esta notícia